Direitos Humanos
 Desejos Humanos
 Educação EDH
 Cibercidadania
 Memória Histórica
 Arte e Cultura
 Central de Denúncias
 Banco de Dados
 MNDH Brasil
 ONGs Direitos Humanos
 ABC Militantes DH
 Rede Mercosul
 Rede Brasil DH
 Redes Estaduais
 Rede Estadual RN
 Mundo Comissões
 Brasil Nunca Mais
 Brasil Comissões
 Estados Comissões
 Comitês Verdade BR
 Comitê Verdade RN
 Rede Lusófona
 Rede Cabo Verde
 Rede Guiné-Bissau
 Rede Moçambique

ABC Antecedentes Históricos dos Direitos Humanos Mundo
Marcos e Raízes Históricas dos Direitos Humanos DHnet

As Lutas de Classes em França de 1848 a 1850
Karl Marx, 1 de Novembro de 1850

Introdução de Friedrich Engels à edição de 1895

I. A derrota de junho de 1848

II. O 13 de Junho de 1849

III. Consequências do 13 de Junho de 1849

IV. A abolição do sufrágio universal em 1850

Notas de fim de tomo:
O trabalho de K. Marx As Lutas de Classes em França de 1848 a 1850 constitui uma série de artigos sob o título comum De 1848 a 1849. Nele é dada uma explicação materialista de todo um período da história francesa e elaboradas as teses mais importantes da táctica revolucionária do proletariado. Na base da experiência prática da luta revolucionária das massas, Marx desenvolveu em As Lutas de Classes em França a sua teoria da revolução e da ditadura do proletariado. Demonstrando a necessidade da conquista do poder político pela classe operária, Marx utiliza aqui pela primeira vez a expressão "ditadura do proletariado" e descreve as tarefas políticas, econômicas e ideológicas desta ditadura. Marx formula neste trabalho a idéia da aliança da classe operária com o campesinato, sob a direção da classe operária. O plano inicial do trabalho As Lutas de Classes em França incluía quatro artigos: "A Derrota de Junho de 1848", "O 13 de Junho de 1849", "Consequências do 13 de Junho no Continente" e "A Situação Atual na Inglaterra". No entanto surgiram apenas três artigos. As questões da influência dos acontecimentos de Junho de 1849 e a da situação na Inglaterra foram esclarecidas noutros artigos da Neue Rheinische Zeitung, em particular nas reportagens internacionais escritas conjuntamente por Marx e Engels. Ao editar o trabalho de Marx em 1895, Engels introduziu adicionalmente um quarto capítulo dedicado ao esclarecimento dos acontecimentos franceses, com o subtítulo de "Terceiro Comentário Internacional". Engels deu a este capítulo o título de "A Abolição do Sufrágio Universal em 1850".

Editorial Avante

Desde 1995 © www.dhnet.org.br Copyleft - Telefones: 055 84 3211.5428 e 9977.8702 WhatsApp
Skype:direitoshumanos Email: enviardados@gmail.com Facebook: DHnetDh
Google
Notícias de Direitos Humanos
Loja DHnet
DHnet 18 anos - 1995-2013
Linha do Tempo
Sistemas Internacionais de Direitos Humanos
Sistema Nacional de Direitos Humanos
Sistemas Estaduais de Direitos Humanos
Sistemas Municipais de Direitos Humanos
História dos Direitos Humanos no Brasil - Projeto DHnet
MNDH
Militantes Brasileiros de Direitos Humanos
Projeto Brasil Nunca Mais
Direito a Memória e a Verdade
Banco de Dados  Base de Dados Direitos Humanos
Tecido Cultural Ponto de Cultura Rio Grande do Norte
1935 Multimídia Memória Histórica Potiguar