Direitos Humanos
 Desejos Humanos
 Educação EDH
 Cibercidadania
 Memória Histórica
 Arte e Cultura
 Central de Denúncias
 Banco de Dados
 MNDH Brasil
 ONGs Direitos Humanos
 ABC Militantes DH
 Rede Mercosul
 Rede Brasil DH
 Redes Estaduais
 Rede Estadual RN
 Mundo Comissões
 Brasil Nunca Mais
 Brasil Comissões
 Estados Comissões
 Comitês Verdade BR
 Comitê Verdade RN
 Rede Lusófona
 Rede Cabo Verde
 Rede Guiné-Bissau
 Rede Moçambique

             

 



ASSOCIAÇÃO DE LIVRE APOIO AO EXCEPCIONAL - ALAE

Rua Delorme de Carvalho, 53, Bom Pastor
CEP: 36021-000 - Juiz de Fora/MG
Fone/fax: 215-4628 Correio eletrônico: -------br>
HISTÓRICO
Entidade filantrópica criada em 1985 com o objetivo auxiliar o excepcional, através de convênios com outras instituições e intercâmbio cultural.

OBJETIVOS
Atendimento à criança e ao adolescente portador de deficiência mental.


ORGANIZAÇÃO
É considerada de utilidade pública pela Lei Municipal 7.051 de 05/03/87 e está cadastrada nos órgãos de fiscalização que regulam seu funcionamento. Conta com 40 funcionários, entre professores, terapeutas e pessoal administrativo, e 16 voluntários. Atualmente, presta assistência a 56 pessoas.

FUNCIONAMENTO
De segunda a sexta-feira, das 7h15 às 11h15 e de 13h às 17h.



ASSOCIAÇÃO DE PAIS E AMIGOS DOS EXCEPCIONAIS DE JUIZ DE FORA - APAE - JF

Rua Custódio Tristão, 02, Santa Terezinha
CEP: 36045-440 - Juiz de Fora/MG
Fone/fax: 224-3065 ou 224-6850
Correio eletrônico: ------

HISTÓRICO
Foi fundada em 16 de junho de 1968, por um grupo de pais de crianças portadoras de necessidades especiais.

OBJETIVOS
Habilitar e reintegrar crianças, jovens e adolescentes portadores de necessidades especiais, como Síndrome de Down, paralisia cerebral, atraso no desenvolvimento psicomotor e neurops?¼?U?u?icomotor, seqüelas de meningite, rubéola, entre outros.

ORGANIZAÇÃO
É uma entidade filantrópica sem fins lucrativos que possui uma equipe composta por neurologista, pediatra, assistente social, fisioterapeuta, fonoaudióloga, psicóloga, pedagoga, professores, monitores, professores de educação física, entre outros profissionais.

FUNCIONAMENTO
De segunda a sexta-feira, de 7h às 11h e de 13h às17h.



ASSOCIAÇÃO DOS SURDOS DE JUIZ DE FORA

Rua Trino Fabri, 260, Vale dos Bandeirantes
CEP: 36047-020 - Juiz de Fora/MG
Fone/fax: 224-3988
Correio eletrônico: samuel@ips.com.br

HISTÓRICO
Sociedade civil sem fins lucrativos, fundada em 30 de maio de 1992. Tem caráter beneficente, recreativo educacional em favor dos deficientes auditivos. Atualmente, arrecada fundos para construção da sede própria no bairro Barbosa Lage, em terreno doado pela Prefeitura.

OBJETIVOS
Promover a interação entre deficientes auditivos, através da realização de cursos e torneios esportivos. Além integrá-los na sociedade, encaminhando-os à escola.

ORGANIZAÇÃO
Conta com o trabalho de dez voluntários que atuam como intérpretes, auxiliar de contabilidade e organizadores de competições esportivas e campanhas de doação. É considerada?¼?U?u? de utilidade pública municipal e, atualmente, presta atendimento a 360 associados.

FUNCIONAMENTO
Não tem horário fixo.



CENTRO DE APOIO AO LESADO MEDULAR

Rua Antônio Passarela, 307, São Mateus
CEP: 36025-230 - Juiz de Fora/MG
Fone/fax: 232-6199
Correio eletrônico: -----

HISTÓRICO
Entidade sem fins lucrativos fundada em 02 de julho de 1997.

OBJETIVOS
Prestar assistência médica e psicológica aos lesados medulares e a seus familiares.

ORGANIZAÇÃO
Registrada em cartório e reconhecida como de utilidade pública. A equipe é formada por nove profissionais, entre médicos, fisioterapeutas e psicólogos.

FUNCIONAMENTO
De segunda a sexta-feira, de 12h às 18h e, aos sábados, de 8h às 12h.



CENTRO DE INTEGRAÇÃO DOS DEFICIENTES EM JUIZ DE FORA - CINDEF

Rua Dom Silvério, 178, Alto dos Passos
CEP: 36026-450 - Juiz de Fora/MG
Fone/fax: 215-0059
Correio eletrônico: pluribus@artnet.com.br

?¼?U?u? HISTÓRICO
Entidade de direito privado, sem fins lucrativos, de utilidade pública municipal (Lei 7.980, de 25/11/91) e federal (Decreto de 05/10/99/D.O.U. 06/10/99), fundada em 11 de novembro de 1989. Atualmente, desenvolve ações em parceria com o poder público e com outras entidades não governamentais.

OBJETIVOS
Estabelecer diretrizes para a luta das pessoas portadores de deficiência, na defesa de seus direitos e no combate ao preconceito, à discriminação e à qualquer limitação imposta aos indivíduos com necessidades especiais.

ORGANIZAÇÃO
A estrutura administrativa é constituída de assembléia geral, conselho fiscal e diretoria.

FUNCIONAMENTO
De segunda a sexta-feira, de 8h às 12h e de 14h às 18h.



DEPARTAMENTO DE PROMOÇÃO DA PESSOA PORTADORA DE DEFICIÊNCIA - SECRETARIA MUNICIPAL DE GOVERNO

Rua São Sebastião, 750, Centro
CEP: 36015-410 - Juiz de Fora/MG
Fone/fax: 690-7799 - 690-7215
Correio eletrônico: -----

HISTÓRICO
A Coordenadoria de Apoio e Assistência à Pessoa Deficiente, órgão da estrutura da Secretaria Municipal de Governo, foi transformada em Departamento da Secretaria de Governo pela Lei 9.601 de 30 de setembro de 1991.

OBJETIVOS
Coordena a elaboração e a implemen?¼?U?u?tação de políticas municipais de promoção e assistência às pessoas portadoras de deficiência. Luta pela inserção no mercado de trabalho, acessibilidade ao meio físico, como a eliminação de barreiras arquitetônicas em logradouros e prédios de uso público. Promove ainda campanhas de conscientização sobre direitos da pessoa portadora de deficiência.

ORGANIZAÇÃO
Além da direção, o Departamento conta com duas divisões: Direito da Pessoa Portadora de Deficiência e da Assistência e Promoção da Pessoa Portadora de Deficiência. Possui também uma equipe multidisciplinar para desenvolver projetos nos setores de serviço social, mercado de trabalho, orientação jurídica, esporte e lazer.

FUNCIONAMENTO
De segunda a sexta-feira, de 8h às 12h e de 14h às 18h.

Desde 1995 © www.dhnet.org.br Copyleft - Telefones: 055 84 3211.5428 e 9977.8702 WhatsApp
Skype:direitoshumanos Email: enviardados@gmail.com Facebook: DHnetDh
Google
Notícias de Direitos Humanos
Loja DHnet
DHnet 18 anos - 1995-2013
Linha do Tempo
Sistemas Internacionais de Direitos Humanos
Sistema Nacional de Direitos Humanos
Sistemas Estaduais de Direitos Humanos
Sistemas Municipais de Direitos Humanos
História dos Direitos Humanos no Brasil - Projeto DHnet
MNDH
Militantes Brasileiros de Direitos Humanos
Projeto Brasil Nunca Mais
Direito a Memória e a Verdade
Banco de Dados  Base de Dados Direitos Humanos
Tecido Cultural Ponto de Cultura Rio Grande do Norte
1935 Multimídia Memória Histórica Potiguar